PETER HILL-WOOD, EX-PRESIDENTE DO ARSENAL, FALECEU NO DIA 28 DE DEZEMBRO DE 2018

 

Peter Hill-Wood, ex-Presidente do Arsenal, faleceu no dia 28 de dezembro de 2018 com 82 anos de idade, em Londres. Nascido em Kensington, no dia 25/02/1936, neto de Samuel Hill-Wood, Presidente do Arsenal no período de 1929 a 1936 e 1946 a 1949, ele fez parte de uma geração de dirigentes do Arsenal Football Club. Peter Hill-Wood foi trabalhar no ramo bancário, tornando-se Vice-Presidente do Hambros Bank. Ele foi colega do atual Presidente do Arsenal, Chips Keswick. Seu pai, Denis Hill-Wood, foi presidente dos Gunners entre 1962 e 1982, quando faleceu. Pete Hill-Wood assumiu a presidência do clube em 1982. Ele foi diretor do Arsenal entre 1962 e 1982. Em 2012, Peter Hill-Wood sofreu um ataque do coração. No dia 14 de junho de 2013, ele deixou a presidência do Arsenal, após 51 anos de sua vida dedicados ao clube.

Peter Hill-Wood foi substituído por Chips Keswick na presidência dos Gunners. Durante sua gestão, Peter Hill-Wood deu carta branca pro Vice-Presidente David Dein administrar o clube. Durante seu período como presidente do Arsenal, Ken Friar exerceu também um importante papel. Ele foi Secretário do seu pai entre 1973 e 1982. Em 1983, Ken Friar foi galgado ao cargo de Managing Director, tornando-se o braço direito de Peter Hill-Wood no que dizia respeito às contratações da comissão técnica e dos jogadores, bem como na intermediação entre clube e torcida. O ponto alto de sua gestão ocorreu em 1996, quando foi contrato Arsène Wenger, dando início a uma Era de muitas glórias e títulos pros Gunners. Ele vendeu suas ações no clube pra David Dein e depois pra Stan Kroenke, evitando que Alisher Usmanov adquirisse o controle acionário do Arsenal.

Start a Conversation

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *